Candidato pelo MDB, João Arruda afirmou que fortalecerá a economia nos bairros de Curitiba e começará a promover a cultura de que não é só no centro da cidade que as coisas acontecem. Para isso, Arruda propõe mudança no zoneamento da capital, a criação de centros comunitários e a descentralização da economia. “Nove centros expandidos, em nove regiões da cidade, que vão integrar as Ruas da Cidadania e os terminais de ônibus, para garantir os serviços públicos e facilitar a vida de quem vive nos bairros. Isso tem que ser acompanhado da mudança de zoneamento da cidade, para atrair investimentos e trazer o emprego”. O candidato participou do quadro Candidato em 20 minutos, promovido pela Tribuna com os candidatos à prefeitura de Curitiba. 

>>>Tudo sobre os candidatos no Guia dos Candidatos da Tribuna

Arruda também prometeu mexer na Linha Verde para que os motoristas levem 25 minutos para cruzá-la. A ideia é substituir todos os semáforos por trincheiras, passarelas e viadutos. “São nove obras de interseções que nós precisamos lá. Em média, cada prefeito tem realizado uma obra, o atual prefeito não conseguiu concluir nenhuma, apenas as obras que atendem ao transporte coletivo. Mas não essas interseções. E com o orçamento que a prefeitura tem, é possível de se fazer isso em quatro anos, com orçamento próprio”, explicou. O candidato também mencionou o projeto de um terceiro anel viário para integrar Curitiba com a região metropolitana.

>>>Tudo sobre os candidatos no Guia de Candidatos da Tribuna

Outra proposta do candidato é da prefeitura incentivar o uso de aplicativos de carona em conjunto com o transporte coletivo. “Goiânia já criou uma parceria com o transporte de aplicativo e também com o táxi. O projeto se chama Última Milha. O passageiro de ônibus faz o trajeto até o último terminal e, depois, dali para frente, ela pega o aplicativo. A subvenção da prefeitura, em vez de passar para as empresas de transporte, ela é repassada para o táxi e para o Uber”.

+Leia mais! Zerar filas, medicina familiar e foco no servidor. Candidatos dão soluções pra saúde em Curitiba

Candidato em 20 minutos

Todos os candidatos à prefeitura de Curitiba foram convidados para participar da conversa. As entrevistas são de 20 minutos, gravadas e serão publicadas na íntegra, sem cortes. O candidato Zé Boni (PTC) foi convidado pela reportagem da Tribuna, mas não participou por questões de agenda.

Confira também

*Fim da Urbs e utilização de servidores em obras. Professora Samara (PSTU) em 20 minutos

*Tarifa zero no transporte e gestão para as pessoas. Letícia Lanz em 20 minutos

*’República de Curitiba’ e o trato com o governo federal. Paulo Opuszka em 20 minutos

*Terceirização contra filas e passagem mais barata. Carol Arns em 20 minutos

*IPTU Verde e urbanismo com ciência. Eloy Casagrande em 20 minutos

*Hidroxicloroquina contra covid-19 e alinhamento com Bolsonaro. Marisa Lobo em 20 minutos

*IPTU congelado e revisão no desarmamento da GM. Camila Lanes em 20 minutos

“Precisamos de educação para o trânsito, fiscalização e punição”. Christiane Yared em 20 minutos

*Doação de salário e gestão na saúde. João Guilherme em 20 minutos

*Gestão do lixo, prioridade na saúde e economia criativa. Goura em 20 minutos