Vai um cafezinho?

Tomar café na hora certa pode acabar com o excesso de sono pós-almoço

O consumo do café ajuda a reduzir o sono quando tomado no horário correto (Imagem: Branislav Nenin | Shutterstock)

É muito comum ouvir dizer que o sono depois do almoço é quase incontrolável e que normalmente vem acompanhado de uma queda de energia que atrapalha o desempenho das atividades vespertinas. Segundo pesquisa da americana Paychex sobre o tema, realizada com 1000 profissionais, 8 em cada 10 relataram queda na produtividade à tarde. Ainda, em busca de alívio, 57% disseram recorrer a uma bebida com cafeína. Porém, essa pode não ser a melhor solução. 

LEIA MAIS – Comer carboidrato à noite engorda? 12 mitos e verdades sobre emagrecer

Conforme o médico Luiz Tintori, especialista em medicina esportiva com ênfase em emagrecimento e reposição hormonal, a fadiga e a sonolência à tarde são decorrentes de um sono noturno ruim, não reparador.

“Quem não pode tirar um cochilo ao meio-dia acaba se rendendo ao café, mas ele traz somente um estado de alerta e não acaba com a sonolência de uma noite mal-dormida”, explica. Ele reforça que o cafezinho pós-almoço pode prejudicar o sono da noite, uma vez que o efeito da cafeína no organismo dura aproximadamente seis horas e, depois desse tempo, vai diminuindo.

Prejuízo do café ao acordar

O médico também esclarece que é um erro beber café logo ao acordar, pois isso aumenta o sono no período da tarde. “Em nosso cérebro, há uma substância chamada adenosina, que causa sonolência. Se o sono não foi de qualidade, ao acordarmos, ela ainda estará ativa e, se ingerirmos café assim que levantarmos da cama, a adenosina será bloqueada e ficará acumulada para agir quando o efeito da cafeína passar, ou seja, trará de volta (e mais intensamente) o sono perto do horário de almoço”, ressalta.

Mulher de olhos fechados segurando uma xícara de café
Tomar café às 10h da manhã é o mais recomendado (Imagem: Goffkein.pro | Shutterstock)

Hora certa para beber café

Para quem não consegue ficar sem o café, Luiz Tintori sugere consumi-lo a partir das 10 horas. Dessa forma, o sono deve surgir mais para o fim da tarde, sem atrapalhar a produtividade. “É a matemática do cafezinho. Se a cafeína age por seis horas, basta contar esse tempo a partir do momento que tomou a bebida, pois dali em diante a adenosina se manifestará, causando a sonolência”, explica. 

Tomando café sem impactar o sono

Para tomar o café tranquilo, na hora que desejar e sem impactar o sono, é importante uma noite bem dormida. O sono adequado ajuda a regular o metabolismo e a reduzir a sensibilidade à cafeína, o que pode tornar o café menos impactante. Além disso, uma boa noite de sono contribui para a saúde mental e física, melhorando o bem-estar geral.

Para isso, o especialista deixa uma dica: “Ter uma rotina saudável, com alimentação balanceada e prática regular de exercícios físicos, contribui para um sono de qualidade. Dessa forma, terá muito mais disposição para viver seus dias, e não sobreviver”, finaliza.

Por Bruna de Paula

Avenida importante de Curitiba vive impasse! Qual é a melhor solução?
Vote na enquete!

Avenida importante de Curitiba vive impasse! Qual é a melhor solução?

Empresário de Curitiba conquista todos com esse veículo famoso na Índia
Amarelo simpático!

Empresário de Curitiba conquista todos com esse veículo famoso na Índia

Rapazes têm dia digno de
VÍDEO

Rapazes têm dia digno de “Superhomem” em Curitiba; O que eles fizeram foi INCRÍVEL!!!

Whatsapp da Tribuna do Paraná
RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba as notícias do seu bairro e do seu time pelo WhatsApp.