Curiosidade

Fila brasileiro! Conheça 4 características do cachorro da raça

O fila brasileiro apresenta um temperamento marcante e fiel à sua linhagem de cão de guarda (Imagem: toicadrian | Shutterstock)

Não há um consenso sobre a origem do fila brasileiro. Alguns afirmam que está ligada à colonização brasileira, na qual era utilizado como cão de trabalho em fazendas, valorizado por sua habilidade em guardar rebanhos, caçar e proteger propriedades. Além disso, acredita-se que ele seja uma mistura de mastiff, buldogue, fila terceirense (de Portugal) e bloodhound. 

LEIA MAIS – Vai viajar? 6 dicas de lugares para deixar seu cachorro durante as férias

A seguir, conheça algumas características interessantes dos cachorros da raça fila brasileiro!

1. Aspectos físicos   

O fila é um cão de porte grande e robusto, apresentando uma estrutura física musculosa e imponente. Os machos geralmente têm entre 65 e 75 centímetros de altura, enquanto as fêmeas ficam entre 60 e 70 centímetros, pesando de 50 a 80 kg. Inclusive, a diferença entre machos e fêmeas costuma ser bastante perceptível. 

Sua pelagem é curta, macia e densa, com cores variando entre tons sólidos de amarelo, tigrados ou fulvos. Além disso, o focinho costuma ser ligeiramente mais curto que o crânio e alguns filas podem apresentar rugas na face.  

2. Temperamento e personalidade   

O fila brasileiro apresenta um temperamento marcante e fiel à sua linhagem de cão de guarda. É naturalmente protetor, corajoso e extremamente leal à sua família, demonstrando um forte instinto de proteção e uma certa aversão a estranhos. Além disso, costuma se dar bem com crianças.   

São cães inteligentes, porém independentes, exigindo um tutor firme e consistente na educação para estabelecer limites claros e uma relação de respeito mútuo. Quando contrariados, podem se mostrar um pouco teimosos.  

3. Cuidados com a alimentação e a saúde  

Fila brasileiro marrom deitado em grama
O fila brasileiro é uma raça geralmente saudável, porém suscetível a algumas doenças (Imagem: toicadrian | Shutterstock)

Em relação à alimentação, é importante fornecer uma dieta balanceada e adequada ao porte e nível de atividade física do fila brasileiro, evitando excessos para prevenir problemas de obesidade.  

Quanto à saúde, é uma raça geralmente resistente, contudo suscetível a algumas condições como problemas oculares e cardíacos, além de ter predisposição a problemas de pele devido à sua pelagem curta. Dessa maneira, visitas regulares ao veterinário, cuidados com higiene e exercícios físicos são fundamentais para manter a saúde em dia. 

4. Educação e socialização  

É imprescindível a socialização desde cedo com pessoas, outros animais e diferentes ambientes para evitar comportamentos agressivos ou desconfiados. São animais que se ligam fortemente à sua família e podem ser ótimos companheiros, desde que tenham a educação e o cuidado adequados para atender às suas necessidades físicas e emocionais. 

Além disso, o fila brasileiro é um cão que precisa de espaço para se movimentar e exercitar; por isso, uma casa com um grande quintal é ideal para essa raça.

Bruno Mars em Curitiba! E não será apenas um show! Preços e ingressos!
Ô Yeah yeahhhh!

Bruno Mars em Curitiba! E não será apenas um show! Preços e ingressos!

Por que a gasolina em Curitiba é mais cara que o resto do Paraná??
Respondido!

Por que a gasolina em Curitiba é mais cara que o resto do Paraná??

Curitibano foi longe demais?? Você provaria esse crepes de pinhão?
Inusitado!

Curitibano foi longe demais?? Você provaria esse crepes de pinhão?

Whatsapp da Tribuna do Paraná
RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba as notícias do seu bairro e do seu time pelo WhatsApp.