O zagueiro Eduardo Brock, 29 anos, foi um dos atletas mais identificados com a torcida do Paraná na temporada de 2017, ano do acesso do Tricolor para a Série A do Campeonato Brasileiro.

Com 57 jogos feitos com a camisa paranista e dois gols marcados, Brock foi o capitão da equipe naquela temporada. No entanto, ao final do ano, o defensor se despediu do Paraná para fechar com o Goiás por conta de uma proposta financeira bem melhor.

“Não foi uma decisão fácil, mas, naquele momento, era uma diferença muito drástica de cenários. Eu tive que pensar na minha família, na questão financeira e eu estava colhendo os frutos de 2017. Fiquei triste, chorei, mas acabei optando por sair”, disse o zagueiro, em entrevista à Rádio Transamérica.

Atualmente no Ceará, Brock relembra com carinho do Paraná e sonha em vestir a camisa paranista no futuro. “Com certeza um dia voltarei para jogar no Paraná. Respeito e defendo o clube ao máximo aonde eu for. Descobri o quanto grande é o Paraná”, destacou o zagueiro.

+ Mais do Tricolor:

+ Renovações, contratações e dispensas do Paraná na pandemia
+ Paraná rescinde contrato de mais um atleta das categorias de base
+ Paraná não é afetado por decisão da Prefeitura de Curitiba e treina normalmente


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?