Candidato do PDT à prefeitura de Curitiba, Goura se comprometeu, caso eleito, a nomear mulheres como chefes de 50% das secretarias municipais, além de contemplar também a representatividade da população negra, LGBT+ e indígena da capital paranaense em sua gestão.

+Leia mais! Pandemia e grupo de risco podem decidir eleição pra vereador em Curitiba

“São pontos que devem ter sim um olhar muito atento da gestão pública, pensando numa cidade cosmopolita, uma cidade do século XXI” afirmou, em entrevista à rádio BandNews, nesta terça-feira. O candidato, que entrou na vida política através do cicloativismo, também defendeu o incentivo ao transporte coletivo e ao uso da bicicleta, bem como um trânsito mais “acalmado” e seguro.

>>>Tudo sobre os candidatos no Guia dos Candidatos da Tribuna do Paraná

“É inadmissível que pessoas morram ou fiquem com sequelas porque estão se deslocando. A gente tem que ter um trânsito acalmado, um conceito que Nova York já implantou e que muitos países têm buscado, que é o de morte zero no trânsito” disse.

+Leia mais! Candidatos se unem para debate informal ao lado da casa de Rafael Greca