A partir desta sexta

Onde pegar o ônibus em Curitiba? Veja lista com estações-tubo desativadas

Imagem mostra uma estação tubo de Curitiba passando por reforma
Foto: José Fernando Ogura/SMCS.

Estações-tubo de Curitiba passam por reformas. O trabalho, dividido em lotes, prevê que a cada semana um grupo diferente de estações entre em obras. De acordo com a Urbanização de Curitiba (Urbs), até janeiro de 2024, serão reformadas 120 estações-tubo, com investimento de R$ 6,4 milhões.

LEIA MAIS – Problema operacional deixa 26 bairros de Curitiba e mais três cidades da RMC sem água

Com os serviços em execução, os passageiros precisam ficar atentos, pois durante o período de obras, as estações-tubo são desativadas parcialmente ou integralmente. Confira abaixo o novo grupo de estações-tubo que entram em obras nesta semana, a partir de sexta-feira (1º).

VIU ESSA? Apartamento mais luxuoso do Brasil fica em Curitiba: conheça

Estações-tubo desativadas para obras

Estação-tubo Terminal Portão sentido Terminal Capão Raso (1/12 a 7/12)
Estação-tubo Des. Antonio de Paula sentido Pç. Carlos Gomes (1/12 a 7/12)
Estação-tubo Antonio Cavalheiro sentido Terminal Cabral (1/12 a 7/12)
Estação-tubo Arroio Cercado sentido Terminal Pinheirinho (4/12 a 9/12)
Estação-tubo China ambos os sentidos (6/12 a 12/12)
Estação-tubo Rosa Tortato sentido Terminal Sítio Cercado (8/12 a 14/12)
Estação-tubo Antonio Cavalheiro sentido Terminal Santa Cândida (8/12 a 14/12) Estação-tubo Centro Cívico Palácio Iguaçu (8/12 a 22/12)

Segundo a Urbs, os usuários do transporte coletivo são avisados por informações em cartazes e Painéis de Mensagens Variáveis (PMV) nas estações-tubo.

“Mais conforto, segurança e acessibilidade”

O projeto prevê a reforma dos pisos e a adequação das portas destinadas a pessoas com deficiência. “O objetivo é dar mais conforto, segurança e acessibilidade aos passageiros do sistema de transporte de Curitiba”, diz Ogeny Pedro Maia Neto, presidente da Urbs.

Com o projeto de revitalização de 120 estações-tubo, sobe para 205 o número de pontos reformados desde 2022, o que representa 60% das 338 estações-tubo da cidade. No ano passado, já haviam sido revitalizadas 85 estações-tubo, além da reforma do Terminal Cabral, com R$ 6,5 milhões em investimentos.

Outras obras

As reformas, conforme a Prefeitura de Curitiba, complementam as melhorias que vêm sendo implantadas no transporte coletivo nos últimos anos. O trabalho inclui a inauguração do Terminal Tatuquara e a implantação do novo Ligeirão Fagundes Varela/Pinheirinho, que estabeleceu uma ligação inédita entre o Norte e o Sul da cidade pela Linha Verde, a colocação de paineis fotovoltaicos em terminais, a programação de aquisição de 70 ônibus elétricos até junho de 2024, e ainda a extensão do Ligeirão Santa Cândida/Pça do Japão até o Pinheirinho, em fase final de obras.

Você já viu essas?

Denúncia de crime ambiental para derrubada de centenas de árvores em Curitiba
Denuncie!

Denúncia de crime ambiental para derrubada de centenas de árvores em Curitiba

Bar raiz em Curitiba “captura” clientes por horas; Comida boa, cerveja gelada e proteção do Papa
Clássico!!

Bar raiz em Curitiba “captura” clientes por horas; Comida boa, cerveja gelada e proteção do Papa

“Uber” para caminhoneiros, empresa de Curitiba fatura milhões
Inteligência

“Uber” para caminhoneiros, empresa de Curitiba fatura milhões

Whatsapp da Tribuna do Paraná
RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba as notícias do seu bairro e do seu time pelo WhatsApp.