Com o objetivo de arrecadar fundos para a construção da unidade pediátrica do Hospital Erasto Gaertner, o Erastinho, milhares de motoqueiros de todo o país se reúnem neste sábado em Curitiba. O evento do Outubro Rosa 2019 vai provocar bloqueios de trânsito no Centro Cívico e na região da Pedreira Paulo Leminski, no bairro Abranches. A programação teve início na sexta (11) e neste sábado (12) os motociclistas se reúnem em um desfile no Centro Cívico pela manhã. No período da tarde eles participam do festival Rock’n’road, na Pedreira.

A estimativa é de 2,5 mil motociclistas participem da ação deste sábado na Praça Nossa Senhora da Salete, no Centro Cívico. Os participantes saem da praça e seguem desfilando até a Rua João Gava, no Abranches.

Foto: Lineu FIlho / Tribuna do Paraná
Foto: Lineu FIlho / Tribuna do Paraná

Os desvios

A partir da chegada dos participantes, agentes da Superintendência de Trânsito (Setran) farão bloqueios desde a rotatória da Rua Deputado Mário de Barros até a rotatória em frente à Prefeitura. Também estará interrompida a passagem de veículos pela Avenida Cândido de Abreu (a partir da Lysimaco Ferreira da Costa até a Inácio Lustosa) e na sua continuação, a Barão do Serro Azul (da Inácio Lustosa até a Presidente Carlos Cavalcanti).

+ Leia mais: Prometida pra Copa de 2014, obra na Grande Curitiba é retomada só agora

A previsão é que as ruas fiquem bloqueadas até às 14h30, mas os horários de início e fim dos bloqueios podem sofrer alteração dependendo da movimentação de público no local.

Os motociclistas passam pela Cândido de Abreu, Barão do Serro Azul, Carlos Cavalcanti, José Casagrande, Parque Tingui, Fredolin Wolff, Nilo Peçanha e Manoel dos Santos da Silva até acessar a João Gava, onde estacionam as motos e seguem para o festival. Outros bloqueios serão feitos pela Polícia Militar no decorrer do trajeto.

Festival de rock

Ainda no sábado (12) acontece a primeira edição do festival Rock’n’road, na Pedreira Paulo Leminski. O trânsito deve ficar mais movimentado em ruas dos bairros São Lourenço, Abranches e Taboão que dão acesso ao local, com a chegada de aproximadamente oito mil pessoas.

Bloqueios de trânsito serão coordenados por agentes da Superintendência de Trânsito (Setran) com previsão de início às 11h. A estimativa é que sigam até as 2h de domingo (13). “Próximo da Pedreira os horários de início e fim dos bloqueios também podem sofrer alteração. A situação é bem dinâmica e estaremos acompanhando para organizar da melhor maneira possível”, explica o gerente de Planejamento e Operação da Setran, Rivelino Almeida.

Mascote do Erastinho. Foto: Lineu FIlho / Tribuna do Paraná
Mascote do Erastinho. Foto: Lineu FIlho / Tribuna do Paraná

+ Leia também: Sábado e domingo de muito calor na região de Curitiba; frente fria chega de mansinho

O tráfego de veículos será bloqueado nas ruas Eugênio Flor (entre Nilo Peçanha e Desembargador José Carlos Ribeiro Ribas), João Enéas de Sá (entre Nilo Peçanha e João Gava), Antônio Krainski (entre Nilo Peçanha e Benedito Correia de Freitas) e na João Gava (entre João Enéas de Sá e São Salvador).

Os portões abrem às 12h, com início das apresentações marcado para as 16h. Além de atividades relacionadas ao motociclismo, o evento terá shows do Ira, Frejat, Marcelo Falcão e Raimundos.

Moradores que tenham residência no perímetro bloqueado serão liberados mediante apresentação de credencial que comprove a moradia.