enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Fé na piazada!

Toledo aposta na própria base pra fazer bonito no Campeonato Paranaense

Metade do elenco da equipe paranaense foi formada nas categorias inferiores

  • Por Redação / Tribuna do Paraná
O comando da meninada ficará a cargo do técnico Agenor Piccinin, que também foi escolhido a dedo para gerenciar o plantel. Foto: Arquivo.

Ter um clássico da região, logo de cara, é pra esquentar o clima mesmo do oeste paranaense, que já derrete com o calor de cerca de 30 graus. No próximo dia 20, às 17h, tem FC Cascavel x Toledo, na cidade da Serpente. E o Porco já tem trabalhado duro para a sua estreia. Nesta temporada, a aposta será na piazada. De um elenco de 34 jogadores, metade é formado pela gurizada, que está com sangue nos olhos para mostrar o seu valor neste Campeonato Paranaense.

“Vamos com um futebol forte, de pegada. É o que precisa no Campeonato Paranaense. São 11 jogos, é tiro curto. Mas, temos um grupo forte pra fazer um bom trabalho”, disse o presidente do Toledo, Carlos Dulaba, em entrevista à TV Tarobá. O cartola também fez um apelo para que o município abrace o time nesta próxima edição do Estadual. “Nós temos um projeto pra buscar o apoio da cidade. São vários garotos daqui que estarão em campo, o Agenor (técnico) é da cidade e o trabalho só está começando. Buscamos os empresários pra fazer acontecer o futebol”, ressaltou o dirigente.

+ Leia mais: Cascavel CR confirma participação no Campeonato Paranaense

Uma destas apostas do Porco é o goleiro André Luiz. Formado nas categorias de base do clube, o arqueiro disputou a última edição do Campeonato Paranaense e acabou sendo emprestado ao Paulista de Jundiaí na sequência da última temporada. De volta ao Toledo, o goleirão agradeceu à diretoria pelo acerto. “É um prazer muito grande voltar. O clube apostou em mim. Desde 2015 estou aqui. Confiaram no meu trabalho e no meu potencial. Então é um prazer voltar”, declarou André Luiz.

O comando da piazada ficará a cargo do técnico Agenor Piccinin, que também foi escolhido a dedo para gerenciar o plantel. “Nós procuramos trazer para o elenco jogadores dentro do nosso orçamento e com o perfil do Campeonato Paranaense. Temos que dar o máximo no início agora pra conseguir fazer a diferença no primeiro turno”, frisou o treinador. Piccinin acumula a conquista do Catarinense de 2007 pela Chapecoense em seu currículo. No ano passado, ele conduziu o Cascavel CR à elite do nosso futebol.

+ Confira também: Londrina segue Athletico e aposta na piazada no Paranaense

Pra meter a meninada em teste, o Toledo enfrenta o Cianorte, no próximo sábado (12), no último desafio antes da estreia contra o Cascavel. O objetivo é fazer uma campanha melhor do que a de 2018, quando o time do oeste terminou na nona colocação, com três vitórias, quatro empates e quatro derrotas no Estadual.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

2 Comentários em "Toledo aposta na própria base pra fazer bonito no Campeonato Paranaense"


Oldboy
Oldboy
5 meses 6 dias atrás

Esse é o grande erro de sempre. Claro é a solução mais barata, mas longe de ser a melhor. Jogadores jovens bons não estão no Coxa, estão em SP e RJ. Ano passado teve vários da base que nem conseguiram se firmar. Não vai dar certo de novo. Se isso fosse bom time grande só colocaria base.

Eivaldo Dantas de Medeiros
Eivaldo Dantas de Medeiros
5 meses 6 dias atrás

Tá certo, com isso, ganha o clube e o jogador que está iniciando sua carreira e precisa ser visto neste cenário e quem sabe, ir para um clube com mais estrutura!

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas