O Paraná confirmou nesta semana a chegada do zagueiro colombiano Hurtado, que assinou contrato com vínculo até abril de 2021. A tendência é que nos próximos dias o Tricolor confirme ainda o acerto com outro defensor da Colômbia. A negociação com Salazar, ex-Rio Branco, já está apalavrada, faltando apenas a assinatura do contrato.

A expectativa ainda é que o clube siga no mercado se reforçando para a Série B do Campeonato Brasileiro. Em entrevista à Rádio Banda B, o gerente de futebol do Paraná, Alex Brasil, ressaltou que um camisa 9 está na mira do Tricolor.

“O clube que tiver o homem para marcar os gols ajuda muito. A gente tem trabalhado e espera trazer jogadores que se encaixem na Série B”, disse o dirigente, que ressaltou o trabalho feito dentro das condições financeiras do clube.

Assim como Hurtado e Salazar, a tendência é que os novos reforços não sejam caros. “Esse é o perfil de atleta que queremos dentro da nossa realidade econômica”, frisou Alex Brasil. O diretor também revelou que ainda não conversou com o zagueiro Everson, que pertence a Portimonense, de Portugal, e possui vínculo de empréstimo com o Paraná até este mês somente.

+ Mais do Tricolor:

+ Paraná confirma que caso com coronavírus está recuperado
+ Paraná lança camisas comemorativas
+ Paraná entra em acordo com Rafael Furtado e atacante deixa o clube


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?