enkontra.com
Fechar busca

Paraná Clube

Paraná Clube

Paraná Clube

Agora é oficial

Bolsonaro aprova lei que dá a Vila Capanema ao Paraná Clube

Pelos próximos 30 anos, estádio será de posse do Tricolor, que ainda quer um acordo definitivo com a União

  • Por Gazeta do Povo
Vila Capanema agora é do Tricolor, pelo menos por 30 anos. Foto: Cassiano Rosário

A Vila Capanema é do Paraná Clube. Pelo menos pelos próximos 30 anos. Na última terça-feira (9), o presidente Jair Bolsonaro transformou em lei (13.813/2019) a medida provisória que autoriza entre outras coisas o repasse do estádio para o Tricolor por mais três décadas – a MP extingui o Fundo Contingente da extinta Rede Ferroviária Federal (RFFSA), liberando cerca de R$ 1,4 bilhão em imóveis da rede que poderão ser alienados, doados ou cedidos.

O período é renovável por mais três décadas, ou seja, pode alcançar 60 anos, segundo o artigo 18-B da nova lei. Além do Paraná, outras agremiações estão em situação semelhante e foram contemplados na MP aprovada por Temer e que virou lei, casos de Operário, Tubarão-SC, São Caetano, Portuguesa Santista e Santos, que também travam disputas judiciais com a União por causa de terrenos antigos.

+ Leia também: Tricolor vai manter a base pra Série B e trará poucas caras novas

Com a nova norma, o Tricolor tem a garantia de ficar com o estádio, fazer obras, modernizar, trazer parceiros e investidores. O imóvel não deixa de ser da União, mas a gestão será do Paraná, que ficará responsável por todos os tributos e impostos.

Desde o fim de 2017, o clube buscava uma solução política com a União sobre o impasse envolvendo a posse da Vila Capanema. O ex-deputado federal João Arruda (MDB) foi o elo entre os cartolas e os políticos em Brasília.

+ Mais na Tribuna: Paraná confirma primeiro reforço pra Série B

“Foi uma vitória do futebol do Paraná, do Paraná Clube, de maneira muito especial, e uma luta importante. O final da história é o último capítulo de uma novela de mais de 40 anos, em que muitos lutaram por isso”, disse Arruda. “O Paraná se tornou o motivo de discussão de uma medida provisória que envolve outros clubes, estações ferroviárias e outros terrenos da União”, completou.

A concessão da Vila ao Paraná não elimina a possibilidade de um acordo para a posse definitiva do Durival Britto e Silva pelo clube. O imbróglio para definir quem é o dono do estádio já durava 49 anos.

Em 2016, o Tricolor perdeu a posse do estádio para a União no Tribunal Regional Federal de Porto Alegre (TRF-4). Desde então, passou a buscar uma solução política.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

55 Comentários em "Bolsonaro aprova lei que dá a Vila Capanema ao Paraná Clube"


MARCELO
MARCELO
9 dias 7 horas atrás

A VILA SEMPRE FOI DO TRICOLOR, E PONTO FINAL. MITO NELES !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Tom Redblack
Tom Redblack
9 dias 15 horas atrás

Vitória do estado do Paraná, que vergonha bando de falidos, não me incluam nessa maracutaia, eu como paranaense tenho vergonha de ver um clubeco recebendo doação do governo federal, isso não é bonito, é humilhante!

PEDRO PRIMITIVO GIRARDI GIRARDI
PEDRO PRIMITIVO GIRARDI GIRARDI
9 dias 18 horas atrás

Bolsonaro é Paranista Desde Criançinha…kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk..Parabéns………………

Claudenir Serafim
Claudenir Serafim
9 dias 20 horas atrás

Paranada vive de esmola, não tem onde cair morto. Quem vê pensa que esse time dura 30 anos.Falidos.

Nero Psicofezico
Nero Psicofezico
10 dias 2 horas atrás

E agora, grileiros da Uniao, vão falar o que da Arena?

Ricardo Soares
Ricardo Soares
10 dias 1 hora atrás

Since 1.920.
BOCAETERNAMENTE.

wttfckmofo
wttfckmofo
10 dias 1 hora atrás

e aí seu favelado hipócrita fale da arena agora, cambada de HIPÓCRITA

1 2 3 5
wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas