O técnico Eduardo Barros aguarda o voto de confiança da diretoria do Athletico para ser efetivado como técnico do clube. Após a vitória sobre o Jorge Wilstermann, pela Libertadores, o jovem treinador de 35 anos falou sobre o prazo estipulado pelo Furacão, de esperar até o jogo da última terça-feira (15) para avaliar se vai ou não ao mercado em busca de um novo comandante.

“Todos os treinadores são testados, em qualquer clube do Brasil. Comigo não seria diferente. No ano passado eu tive uma oportunidade na reta final do Campeonato Brasileiro e agora novamente de forma interina para o clube ter tempo hábil de achar um novo comandante. Mas se achar que a equipe pode responder sob meu comando, que eu possa dar sequência ao meu trabalho”, avaliou Barros.

+ Confira a classificação completa da Libertadores!

Desde a saída de Dorival Junior, Eduardo Barros comandou o Furacão em cinco jogos. Perdeu pro Vasco, empatou com Red Bull Bragantino e Botafogo e venceu os dois últimos confrontos: clássico com o Coritiba e o Jorge Wilstermann.

+ Mais do Furacão:

+ Christian passa mal ao deixar campo na Bolívia
+ Athletico faz história ao conquistar primeira vitória na altitude
+ Blog do Cristian: Walter renasce e dá vitória do Athletico na Bolívia
+ Walter volta a marcar pelo Athletico após dois anos: “Não vou dormir”


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?