Um rapaz foi encontrado morto, na manhã de ontem, no meio da plantação de soja de uma chácara, no Jardim Veneza, em Fazenda Rio Grande. A vítima estava com as mãos na cabeça como se tentasse se proteger e tinha várias marcas de tiros. O corpo foi localizado por volta de 10h30 por moradores locais que logo acionaram a polícia.

A vítima, que aparente ter 20 anos, estava descalça, com a bermuda arriada, blusa de moletom preta e boné marrom. “Como perto de onde o corpo foi encontrado existe uma cava, é possível que a vítima tenha ido tomar banho e se desentendido com alguém”, supôs o investigador Valdir dos Santos, da delegacia local. O policial identificou disparos de arma de fogo na cabeça da vítima e um na perna direita. O rapaz estava sem documentos e foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML), onde permanece sem identificação.

Investigação

Quando foram avisados do ocorrido, os investigadores acreditaram que o corpo poderia ser do usuário de drogas, que teve a mãe assassinada em seu lugar no fim de semana. No entanto, os dois não são parecidos fisicamente. Valdir informou que a polícia continua à procura dos assassinos de Ivanete Vieira Neves, 38, mãe de Fernando. “O rapaz não compareceu à delegacia”. Ivanete foi encontrada morta na lavanderia de casa. Os suspeitos estavam atrás do filho dela que teria participado de um homicídio recente, no Jardim Veneza, que é dominado por duas gangues rivais.