O Parlamento do Reino Unido aprovou nesta terça-feira uma emenda que autoriza a premiê Theresa May a renegociar os termos da saída do país da União Europeia, o chamado Brexit. Uma das emendas aprovadas nesta tarde prevê que May busque uma alternativa para o status da fronteira entre as Irlandas.

O acordo atualmente fechado com a UE não recebeu o apoio suficiente no Parlamento em grande medida pela questão do status futuro entre as Irlandas. Agora, May pode tentar renegociar esse ponto, mas não está claro se a UE está disposta a voltar sobre o tema.

Outra emenda aprovada hoje, sem caráter vinculante, afirma que o governo deve descartar uma saída sem acordo.

Anteriormente, várias emendas foram derrotadas no Parlamento britânico. Uma delas, da deputada trabalhista Yvette Cooper, previa um prazo maior para a permanência do país no bloco, caso não se feche nenhum acordo até o fim de fevereiro.