Representantes dos grupos de oposição ao governo Bashar Assad ainda discutem se participarão as negociações de paz mediadas pelas Nações Unidas, afirmou hoje um porta-voz do Alto Comitê de Negociação, entidade que representa os interesses dos rebeldes.

Segundo Riad Hijab, o governo sírio e seu aliado russo continua violando o cessar-fogo que começou em 27 de fevereiro. Lideranças rebeldes também criticaram o volume de ajuda humanitária que chegou até eles.

O representante afirmou que continua a conversar com os grupos rebeldes e que, após a consulta, o comitê deve decidir se irá dar apoio às conversas de paz.

Hijab disse que não houve violações da trégua por parte da oposição, apesar de “alguns casos de auto defesa”. Por outro lado, “a ofensiva das forças do regime continua, assim como a dos iranianos e dos russos”, afirmou.

O enviado especial à Síria da ONU, Staffan de Mistura, disse que alguns participantes das negociações devem começar a chegar em Bruxelas na quarta-feira, enquanto outros se juntarão no final da semana. Fonte: Dow Jones Newswires.