A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) comemorou o corte da Selic em 0,5 ponto porcentual, para 8,5%, nível mais baixo já registrado pelo juro básico da economia brasileira. A decisão foi anunciada nesta noite de quarta-feira pelo Comitê de Política Monetária (Copom).

Segundo a entidade, a redução abre espaço para investimentos em infraestrutura, segurança e educação, além de estar em linha com as sinalizações do governo de querer baixar o custo do crédito para os tomadores finais. “Isso possibilita um crescimento interno sustentado pelo ciclo virtuoso de consumo das famílias, geração de empregos e expansão da massa de rendimentos”, diz a federação em nota.

A decisão do colegiado também contribui para evitar o contágio da crise externa que vem dominando especialmente a Europa neste momento. Para a FecomercioSP, juro menor não representa risco para a inflação, já que o ciclo de redução da Selic já dura alguns meses sem que tenha sido registrada pressão de demanda.