Brasília – A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) definiu ontem as regras para o relacionamento comercial entre as concessionárias de telefonia fixa ?Telefônica, Telemar e Brasil Telecom? e suas concorrentes para o compartilhamento ?ou desagregação? de suas redes, o chamado unbundling, nos serviços de banda larga. A medida, que fixa valores para esse compartilhamento, deverá estimular a competição nos serviços de internet em banda larga e a redução dos custos do serviço, segundo o presidente da agência, Pedro Jaime Ziller. Com o compartilhamento das redes, as concessionárias terão que disponibilizar para as suas concorrentes acesso à parte do fio de conexão ao usuário final para que os serviços de ADSL (a internet rápida das teles fixas) sejam prestados por outras empresas, e não exclusivamente por ela.