As vendas reais nos supermercados em 2010 cresceram 4,20% em relação a 2009, segundo informou a Associação Brasileira de Supermercados (Abras). Em dezembro, as vendas subiram 3,16% na comparação com o mesmo mês de 2009. Ante novembro, sem ajuste sazonal, as vendas tiveram alta de 33,86%. Os números estão deflacionados pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

O valor da cesta de 35 produtos considerados de largo consumo, como alimentos, limpeza e beleza, medido pela GfK, apresentou alta de 2,19% nos preços em dezembro ante novembro, para R$ 307,04. Na comparação com dezembro de 2009, o valor da cesta avançou 17,41%.

Os produtos com as maiores altas em dezembro ante novembro foram papel higiênico (24,34%), tomate (12,31%) e frango congelado (8,83%). Já as maiores quedas de preços no período ficaram com batata (-13,20%), feijão (-7,92%) e farinha de mandioca (-3,08%).