“Foi uma alegria ouvir o choro daquela criança e perceber que ela estava bem”. O relato emocionante é do soldado Rogério Silva, do 17° Batalhão da Polícia Militar, ao contar da atitude rápida tomada por ele na noite deste domingo (7). O militar salvou a vida da pequena Ana Júlia, de apenas 6 meses de vida, que foi levada às pressas engasgada à unidade de trabalho do policial.

+Caçadores! Curitibanos caem em golpe de pirâmide; prejuízo chega a R$ 2 milhões! 

A equipe policial trabalhava normalmente em São José dos Pinhais, na região Metropolitana de Curitiba, quando um veículo Gol chegou em alta velocidade no posto policial. Aos gritos dos pais, Rogério percebeu que a noite seria bem diferente daquelas que já é acostumado em 14 anos como policial. ” Olhei a criança e ela estava roxa, pois tinha dificuldades em respirar. Rapidamente, fiz manobras nas vias aéreas e deu certo. Foi um choro maravilhoso”, relatou o soldado que é pai da Sabrina, de 13 anos.

+Viu essa? Policial do Bope morre após cair da moto e atingir placa na Linha Verde

Giz de cera

Os pais, ainda em estado de choque, demonstraram nervosismo e a filha mais velha do casal relatou que a Ana Júlia tinha engolido um giz de cera. “Ela estava fazendo a lição de casa e viu que a irmã tinha pego um giz de cera. Depois das manobras é procedimento nosso limpar a região afetada e percebi um objeto estranho. Inclusive, fica o conselho aos pais para se dirijam a algum posto de atendimento médico para ver se estava tudo bem com a criança depois deste tipo de salvamento”, ressaltou o soldado do 17° Batalhão, que teve uma noite de herói.

Rogério Silva salvou um bebê levado às pressas pelos pais a um posto policial de São José dos Pinhais. Foto: Reprodução.
O policial Rogério Silva foi rápido e salvou um bebê levado às pressas pelos pais a um posto policial de São José dos Pinhais. Foto: Reprodução.

Policial do Bope morre após cair da moto e atingir placa na Linha Verde