Terminou mal a eleição para o Conselho Tutelar em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), neste domingo (6), com a suspensão do pleito pelo Poder Judiciário. De acordo com informações da prefeitura, a medida foi necessária porque havia erros gráficos e incoerência nas cédulas, que foram recolhidas para apuração dos fatos, independentemente de terem sido usadas ou não.

+Leia também: Semana do Dia das Crianças tem extensa programação para o público infantil

Em nota oficial divulgada na tarde deste domingo, a prefeitura, entretanto, ressaltou que apenas dá suporte ao pleito, não tendo “qualquer relação com candidaturas, muito menos com a confecção das cédulas eleitorais”. A eleição é organizada pelo Conselho da Criança e do Adolescente, com fiscalização do Ministério Público e apoio da Prefeitura através da Secretaria de Desenvolvimento Social na questão da logística do pleito e suporte de funcionários.

Após matarem cachorro, jacarés que vivem ao lado de escola no litoral serão retirados