enkontra.com
Fechar busca

+ Pop

Clima promote esquentar em “Amores roubados”

Dira Paes vai colocar seu próprio casamento em risco

  • Por Tribuna Pop

Em busca do prazer. Assim vive Celeste, a personagem insaciável e infiel de Dira Paes na nova minissérie da Globo, Amores Roubados, que estreia dia 6. Ciente de seu poder de sedução, ela cai nos braços do jovem Leandro (Cauã Reymond) e coloca um par de chifres no marido apaixonado, Cavalcanti (Osmar Prado), sem dó. “Celeste tem um casamento bem-sucedido. Mas ela não acha que está traindo, só não contém seus desejos e vai atrás deles com um homem irresistível. Gosta do perigo e vira refém dele. Nós, humanos, somos feitos disso, de amor e de dor”, define a atriz.

Dira vai aparecer ainda mais atraente e sexy nas cenas quentes com Cauã. “Eu me acho sensual. Sou da filosofia de que, para gostarem de você, você tem que se gostar primeiro. Sou a favor da autoestima elevada.” A arte de seduzir, para ela, está no sorriso e no olhar: “Homem gosta de mulher viva.”

Trair, para Dira, é uma questão de escolha e tem que assumir: “Os casais modernos deveriam ter um acordo de cavalheiros. Não dá para viver numa hipocrisia de achar que você está imune a todos os processos da vida. A possibilidade de encontrar alguém mais interessante é muito grande. Só que eu escolhi uma pessoa para amar (ela é casada com o cineasta Pablo Baião)”, explica. Se perdoaria uma traição? “Eu prefiro não saber, porque aí o sujeito traz outra energia e isso pode prejudicar a relação. Quem consegue lidar bem com isso, tudo certo. O Mr. Catra, por exemplo, consegue. Ele tem um acordo com as mulheres que ama. Existem mil opções para ser feliz. A melhor delas é você não desejar para o outro o que não gostaria que fizessem com você. Para mim, vale o limite do bom senso. Como dizia minha mãe, sua consciência é o seu guia.”

Garanhão

Um dos romances da personagem de Dira Paes na minissérie, Cauã Reymond vai levar mulheres à loucura na próxima atração. Ele será uma espécie de “Don Juan” do sertão nordestino. O sommelier Leandro tem um fraco por mulheres casadas e protagonizará cenas quentes na trama. Mas é com Antônia (Isis Valverde) que ele vai descobrir o verdadeiro amor. “Ela é meio menina, meio mulher e é a personagem com mais desdobramentos em curto período de tempo que eu já fiz”, diz Isis.

A minissérie já está com todos os dez capítulos gravados. As filmagens aconteceram em cidades à beira do rio São Francisco, entre os Estados de Pernambuco e Bahia.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas