Do dramaturgo Fernando Arrabal Curitiba já assistiu a montagens como Fando Lis, dirigida por Maurício Vogue – recentemente em cartaz no Teatro Regina Vogue -, A Bicicleta do Condenado com direção de Eugênio de Camargo, Baal Babilônia, dirigida por Felipe Hirsch, e O Arquiteto e o Imperador da Assíria – seu texto mais conhecido. Porém, o texto Amores Impossíveis é desconhecido do público curitibano. O Grupo de Teatro Uninter, sob a direção de Geisa Mueller, realizará a Leitura Dramática desse texto de Arrabal, na 4.ª edição da Série Leituras Didáticas.

Amores Impossíveis é um texto mítico, que trafega no campo dos sonhos, onde as personagens são espelhos do inconsciente. O autor trabalha elementos surrealistas na obra. Esses mesmos elementos geram personagens como o príncipe com cabeça de cão, que nutre um profundo amor pela princesa que, por sua vez, é ardorosamente desejada pelo príncipe com cabeça de touro. Esse resumo, trágico e fabuloso, contorna a trama da peça.

Fernando Arrabal nasceu em Melila, na Espanha, mas partiu para França por causa de sua ideologia contrária ao Regime Franquista. Da mesma forma que o pintor Pablo Picasso e o cineasta Luis Buñuel, em 1955 o dramaturgo buscou exílio voluntário em Paris. Na década de 60, a partir de discussões com outros intelectuais, o autor formulou o conceito Pânico, que definiu como uma maneira de ser, de acordo com uma ideologia que tinha por fundamento a exaltação da moral múltipla.

Serviço
Amores Impossíveis
Quando: 24 de junho de 2006 – Sábado
Onde: Campus Divina da Grupo Uninter – Rua do Rosário, 147 – Largo da Ordem
Horário: 20h30
Informações: (41) 8409 20 75
Entrada Franca