O Coritiba levou a melhor e venceu o Paraná Clube por 1×0, na tarde deste domingo (19), na Vila Capanema, pela partida de ida das quartas de final. O duelo marcou o retorno do Campeonato Paranaense em Curitiba, em meio aos vários casos de coronavírus no estado. O gol foi do atacante Robson, fazendo valer a famosa “lei do ex”.

O resultado foi o mesmo do primeiro encontro entre as equipes pela primeira fase da competição. A partida de volta, decisiva para sabermos quem avança às semifinais, está prevista para a próxima quinta-feira (23), às 20h, no Couto Pereira mas ainda sem definição oficial da Federação Paranaense de Futebol (FPF).

Para avançar para a próxima fase, o Coxa precisa de um simples empates. Para o Tricolor, é preciso ganhar por pelo menos dois gols de diferença. Se vencer por apenas um, a vaga será decidida nos pênaltis.

+ Confira como foi o jogo no Tempo Real da Tribuna!

Com dois casos positivos de coronavírus antes do clássico, do goleiro Alex Muralha pelo Coritiba e do atacante Andrey do Paraná, a partida começou em ritmo de treino, até pelo grande período sem jogo – o campeonato estava parado desde 15 de março.

O jogo, inclusive, ficou marcado por ações de prevenção ao coronavírus. Seguindo o protocolo devido à pandemia, os reservas ficaram nas arquibancadas, respeitando o distanciamento. A torcida tricolor deu um jeito de trazer um clima de jogo e colocou várias bandeiras em volta do campo e nas arquibancadas. Além disso, o sistema de som da Vila Capanema tocou músicas da torcida organizada do clube.

Apesar destes incentivos dos paranistas, o Coxa foi quem começou com mais posse de bola, mas teve muitas dificuldades para criar chances que colocassem seus atacantes em condições de abrirem o placar.

Primeiro tempo começou em ritmo lento, com poucas boas jogadas. Foto: Divulgação/Coritiba

Já o Paraná melhorou no decorrer do primeiro tempo e viu em Gustavo Mosquito o motor no setor ofensivo. Foi dele a melhor chance na etapa inicial. O ex-coxa recebeu na entrada da área, venceu a marcação e bateu cruzado, mas o zagueiro Sabino salvou.

Na etapa final, o Coritiba voltou buscando a vitória e, logo aos quatro minutos, abriu o placar. Após passe de Igor Jesus na área pela direita, Robson apareceu livre e só teve o trabalho de mandar para o gol de pé direito.

+ Confira como está o mata-mata do Paranaense!

Robson fez valer a lei do ex e marcou em cima do Paraná. Foto: Divulgação/Coritiba

O gol deu mais tranquilidade ao time de Eduardo Barroca, que dominou o segundo tempo e pouco sofreu, conseguindo levar vantagem em busca das semifinais.

O Tricolor, por usa vez, não conseguiu reagir e pouco fez para tentar reverter o resultado dentro de casa. Agora, terá de buscar a vitória no Couto Pereira.

Ficha Técnica

CAMPEONATO PARANAENSE
QUARTAS DE FINAL – IDA

PARANÁ 0X1 CORITIBA

Paraná
Alisson; Paulo Henrique, Thales, Fabrício e Juninho; Carlos Dias (Rodrigo Rodrigues), Kaio e Renan Bressan (Dudu); Gustavo Mosquito, Raphael Alemão e Marcelo (Keslley). Técnico: Allan Aal.

Coritiba
Wilson; Natanael, Rhodolfo, Sabino (Rodolfo) e Willian Matheus; Nathan Silva, Gabriel, Thiago Lopes e Rafinha (Giovanni Augusto); Robson (Matheus Bueno), e Igor Jesus. Técnico: Eduardo Barroca.

Local: Vila Capanema
Árbitro: Rodolpho Toski Marques.
Assistentes: Bruno Boschilia e Ivan Carlos Bohn
Gol: Robson, 4 do 2º;
Cartões amarelos: Fabrício e Kaio (PRC); Gabriel (CFC)


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?