O Paraná teve chance para matar o jogo, mas acabou sofrendo um gol no último minuto e ficou no empate com o Atlético-GO. Na noite desta terça-feira (22), o Tricolor ficou no 1 a 1, mas mesmo assim retornou ao G4 da Série B do Brasileiro, subindo para a quarta colocação, mas com um jogo a mais que o Avaí, quinto colocado.

No próximo sábado, o Paraná volta a campo para enfrentar o Joinville, às 16h20, fora de casa.

O jogo

Em busca da terceira colocação, o Paraná teve amplo domínio frente ao Atlético-GO no primeiro tempo. Porém, o Tricolor não conseguiu transformar a superioridade em gols.

A equipe paranista explorou demais as bolas lançadas na área e não colocou a bola no chão. Com isso, a zaga dos visitantes, que era alta, levava a melhor nos lançamentos.

Na etapa final, só deu Tricolor novamente. O Paraná pressionava já no campo de ataque e obrigava o adversário a se livrar da bola do jeito que dava. Entretanto, o time da casa não traduzia em chances de gol.

A primeira que surgiu, o ataque paranista não decepcionou. Aos 27 minutos, o jovem Luisinho recebeu do lateral-esquerdo Paulinho, finalizou e carimbou a trave. No rebote, o atacante marcou o gol paranista.

Nos minutos finais, a equipe da casa paranista ainda teve a chance de aumentar o marcador, mas o goleiro Marcio salvou na cobrança de falta de Paulinho. O castigo veio no último minuto. Após levantamento na área, a zaga parou e Jorginho aproveitou para marcar.

Ao apito final, o elenco e a diretoria paranista ficou na bronca com a arbitragem. “Ele deu três minutos de acréscimos e o gol deles saiu depois desse tempo”, disse o gerente de futebol Alex Brasil, em entrevista à Rádio 98FM.

Veja na galeria de fotos o jogo do Tricolor.