Considerado um dos clássicos do futebol paranaense, Coritiba e Londrina, em baixa neste momento da Série B do Campeonato Brasileiro, fazem um confronto decisivo para as suas pretensões neste sábado (14), às 11h, no estádio do Café. O time coxa-branca terá pela frente o Tubarão que não vence há oito jogos e vem de cinco derrotas seguidas, mas que sempre foi um adversário indigesto, seja na Segundona ou no Campeonato Paranaense. Por isso, mesma diante da fase ruim do Tubarão, todo cuidado será pouco para que o Verdão consiga aproveitar o momento ruim do seu concorrente e voltar a vencer na competição nacional.

Nos últimos anos, a rivalidade entre Coritiba e Londrina ficou acirrada. Talvez seja a maior entre um time da capital e uma equipe do interior na história do futebol paranaense. Os confrontos entre os dois times sempre são bastante disputados e, às vezes, acompanhados de algumas polêmicas. Foi o que aconteceu em 2013, por exemplo. No estádio do Café, palco do duelo deste sábado, o meia Alex, ídolo do Verdão, fez o gol da vitória, mas a reclamação do Tubarão foi grande por conta de uma penalidade não marcada na origem do lance.

+ Leia mais: Igor Jesus diz estar pronto para substituir Rodrigão no Coritiba

Nos últimos anos, o Londrina conseguiu um crescimento no cenário do futebol nacional e, a partir do ano passado, começou também a duelar com o Coritiba na Série B do Campeonato Brasileiro. O Coxa, nesses dois anos, não conseguiu vencer o Tubarão pela Segundona. Terá a chance neste sábado e uma vitória agora não poderia vir em um momento melhor, já que o time de Umberto Louzer não vence há quatro rodadas e tem sua vaga no G4 ameaçada.
“A gente está trabalhando forte. O Londrina também não está no seu melhor momento e a gente vem de quatro partidas sem conseguir vencer. Não podemos falar muita coisa. Temos que continuar trabalhando, fazer nosso melhor e conseguir o objetivo lá que é a vitória”, afirmou o atacante Igor Jesus, que será titular na vaga de Rodrigão, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Na disputa da Série B do ano passado, o Coritiba foi derrotado nas duas oportunidades para o Londrina. Não à toa, o Coxa passou longe de conseguir o acesso, enquanto o Tubarão chegou perto de voltar à primeira divisão. Já neste ano, no primeiro turno, as duas equipes empataram em 0x0, no Couto Pereira, com direito a penalidade perdida pelo atacante Rodrigão.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Na ocasião, os dois times estavam brigando pela parte de cima da classificação. O Londrina, inclusive, ficou várias rodadas dentro do G4. Mas caiu muito de produção e, mesmo com a troca recente no comando técnico (Alemão por Claudio Tencati), o Tubarão segue em declínio e vem de cinco derrotas seguidas na Série B. Mas isso não significa que o Coxa terá alguma facilidade no duelo deste sábado.

“A gente sabe que eles não vencem há oito partidas, cinco derrotas seguidas, mas é um clássico estadual. Quando entra em campo, eles vão tentar dar o melhor deles. Será um jogo atípico, às 11h, tem o calor de Londrina, mas sabemos que precisamos entrar e ganhar o quanto antes para subir de novo na classificação. O Londrina é um time do Estado, tem rivalidade, temos que entrar bem, conscientes e dar nosso melhor”, finalizou o zagueiro Thalisson Kelven.