O Atlético inicia o segundo turno do Campeonato Brasileiro neste domingo, quando recebe o Palmeiras, às 18h30, na Arena da Baixada, em um desafio fundamental para o Furacão seguir na briga pelo G4. Uma vitória diante do líder, além de não deixar o primeiro colocado abrir mais três pontos, deixaria os sete primeiros colocados ainda mais embolado e fortaleceria o clube nesta segunda metade da competição. Para isto, o time aposta no fator casa para somar mais três pontos.

Até aqui, dentro da Arena, o Atlético soma, em nove jogos, sete vitórias e dois empates, tendo o melhor aproveitamento como mandante entre as 20 equipes da Série A. Porém, o Palmeiras é o quinto melhor visitante da competição, com três vitórias, dois empates e quatro derrotas. Nos dois últimos jogos fora, a equipe paulista não venceu, empatando com a Chapecoense e perdendo para o Botafogo.

Mesmo assim, a invencibilidade em casa será colocada à prova. Algo que já aconteceu outras vezes e o Furacão se saiu bem, vencendo o Corinthians (2×0), inclusive quando ele era o líder, e também o Santos (1×0), equipes que seguem na briga pelo título e que têm bons aproveitamentos longe da torcida, com as terceira e sexta melhores campanhas, respectivamente. O Atlético-MG, que tem a segunda melhor campanha como visitante, com apenas duas derrotas, empatou em 1×1 na Arena.

Resultados que comprovam a força do estádio atleticano e que a transformam em uma grande arma nesta briga acirrada por um lugar no G4. Para o lateral-esquerdo Sidcley, no entanto, o mais importante é a equipe seguir focada, independentemente do adversário e de onde será a partida.

“Temos que continuar com o trabalho e manter o foco, porque podemos fazer uma excelente campanha. O Brasileiro é um campeonato muito disputado e as partidas são sempre definidas nos detalhes. Sabemos da qualidade do time do Palmeiras, mas temos que continuar batalhando. Para continuarmos evoluindo, temos que ter atenção sempre, independentemente do adversário e do local do jogo”, apontou ele.

A rodada pode ser ideal para o Furacão voltar a encostar nos quatro primeiros. Além de fazer um confronto direto contra o Palmeiras, seis pontos à frente, o Grêmio, sexto colocado, recebe o Corinthians, enquanto o Santos enfrenta o Atlético-MG. Na melhor das hipóteses, o Rubro-Negro pode terminar em sexto, mas apenas dois pontos atrás do primeiro colocado. Até por isso, a expectativa mais uma vez é que a Arena da Baixada esteja lotada, pela importância do jogo.

Roteiro! Leia mais sobre o Atlético na coluna do Mafuz!