enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Atlético goleia e confirma a melhor campanha da competição

  • Por Rodrigo Sell

Em Cianorte, Alan Bahia
marcou, na goleada que
despachou o time da casa.
 

Na volta ao bom futebol, o Atlético atropelou o Cianorte por 5 a 1 e garantiu a melhor campanha da primeira fase do Campeonato Paranaense. Com direito a olé dos torcedores locais no Estádio Albino Turbay e a estréia promissora de Pedro Oldoni com dois gols. Com o resultado, o técnico Lothar Matthäus manteve a invencibilidade e já começa a encontrar a melhor formação para a seqüência da competição. Na próxima fase, o Rubro-Negro terá pela frente a Adap e a primeira partida será realizada no domingo que vem, em Campo Mourão.

Após dois empates seguidos contra Iraty e J. Malucelli e as primeiras vaias da torcida, o Furacão voltou a soprar mais forte. Mesmo com as seguidas experiências do alemão. Na sexta-feira e no sábado, só mistério no CT do Caju. Até a lista com os jogadores convocados demorou a sair e Matthäus nem dava pista de quem poderia entrar. Para surpresa geral, Pedro Oldoni vestiu a camisa atleticana pela primeira vez na equipe principal e mostrou que toda a expectativa em cima dele estava correta.

Grande, forte, objetivo. Quando pegava na bola era perigo para o goleiro Alessandro. Não só ao goleiro, como para a zaga também. No primeiro lance de perigo, Pedro recebeu na área, deixou a marcação para trás e estufou a rede. Reação do time do Norte? Nenhuma, o Leão do Vale do Ivaí estava mais para gatinho de madame e assistiu o Rubro-Negro jogar. E como jogou. O mesmo Pedro teve várias oportunidades de ampliar, mas o segundo gol só veio mesmo no segundo tempo.

Novamente, a zaga deixou ele receber a bola na área e aí não tinha jeito. Bola na rede. Somente aí que o Cianorte ameaçou alguma coisa, mas a equipe treinada por Gílson Kleina ficou passiva demais em campo. Melhor para os rubro-negros e principalmente Ferreira, que conseguiu um pênalti bem cobrado por Alan Bahia, e mais um gol após jogada primorosa de Michel Bastos. Já no fim da partida, o ?togolês? Mikimba chutou do meio da rua para deixar sua marca e William ainda aproveitou a chance para marcar o quinto e sair festejando.

Héber irrita Matthäus

A vitória sobre o Cianorte foi fácil, mas antes da partida o técnico Lothar Matthäus mostrou irritação e descontentamento com o árbitro Héber Roberto Lopes. Cumprindo o regulamento do campeonato, o comandante da partida mandou o tradutor Klaus Junginger sair do banco. Sem alternativa, Matthäus teve que se socorrer no médico Marco Antônio Pedroni, que traduziu as orientações do italiano para o português. No fim, bateu o pé e não quis dar entrevistas.

?Nós temos que cumprir o regulamento e em nenhum momento foi me passado alguma autorização especial para que o treinador do Atlético tivesse acompanhamento de um intérprete?, justificou Héber. As normas da competição permitem que no banco fiquem treinador, preparador físico, médico e massagista, além dos reservas. ?Quando você não tem nenhum documento eu tenho que cumprir o regulamento?, destacou.

Assim, Klaus teve que se retirar e acabou assistindo à partida da janela do ônibus do clube, que estava estacionado ao lado do campo do modesto Albino Turbay. Até aqui, os outros árbitros permitiram a presença de Klaus. Ontem, em Cianorte, durante a partida, o treinador rubro-negro passava as instruções em italiano para Pedroni, que as repassava aos jogadores.

Após a partida, irritado, Matthäus descontou na imprensa e não deu entrevista.

Os jogadores, no entanto, falaram e comemoraram o resultado. ?Foi uma alegria muito grande fazer o primeiro jogo no profissional. Sinto como uma missão cumprida. Tive a oportunidade e aproveitei da melhor maneira possível. Sempre sonhei em vestir a camisa do Atlético?, vibrou Pedro Oldoni.

Os atletas também comentaram o ?chega para lá? nos maus resultados em casa. ?Nós estávamos sendo cobrados, principalmente pelos dois últimos resultados. Por esse motivo, essa vitória foi boa?, destacou o volante Erandir. O zagueiro Paulo André já projeta a próxima fase. ?Agora vamos para as quartas com o intuito de chegar à final e ser campeão?, finalizou.

CAMPEONATO PARANAENSE
Grupo A – 1.ª Fase – 14.ª Rodada
Local: Albino Turbay (Cianorte)
Árbitro: Héber Roberto Lopes
Assistentes: Roberto Braatz e Carlos Braatz
Gol: Pedro Oldoni aos 7 do 1.º tempo; Pedro Oldoni aos 6, Alan Bahia aos 25, Ferreira aos 27, Mikimba aos 45 e William aos 46 do 2.º tempo
Cartões amarelos: Erandir, Bruno Batata, Alexandre
Renda: R$ 20.600,00
Público pagante: não divulgado
Público total: não divulgado

Cianorte 1 x 5 Atlético

Cianorte
Alessandro; William, Emanoel (Alexandre) e Diego (Pepe); Daniel Marques, Gilmar, Mikimba e Fernandinho e Rodrigo Ninja; Bruno Batata e Sinval (Leandro). Técnico: Gílson Kleina

Atlético
Tiago Cardoso; Danilo, Alex e Paulo André; Jancarlos, Erandir, Alan Bahia (Cristian), Evandro (William) e Michel Bastos; Ferreira e Pedro Oldoni (Selmir). Técnico: Lothar Matthäus

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas