Após marcar o gol do Athletico na derrota para o Coritiba por 2×1 na última quarta-feira (30), na Arena da Baixada, o atacante Bergson desabafou sobre as cobranças que vem sofrendo por parte da torcida. Muito criticado pelos erros em campo e sem balançar as redes do adversário, o jogador alegou que o fato de ter treinado menos em relação ao elenco vem fazendo a diferença.

Bergson não esperava ser chamado para integrar o time de aspirantes e chegou para compor a equipe do técnico Rafael Guanaes somente no dia 8 de janeiro, enquanto parte do elenco já treinava desde o ano passado. Motivo pelo qual ele acha que o prejudica de certa forma.

+ Leia também: Furacão prorroga vínculo com Léo Pereira

“Muita gente não vê, mas eu cheguei depois (ao grupo de aspirantes), tive menos tempo de treino e já foi meu quarto jogo em que atuei os 90 minutos. Independentemente de tudo isso, eu não fujo da minha responsabilidade. Eu sei o quanto eu tenho que melhorar e que posso ajudar”, explicou, detalhando os motivos pelos quais não acha justo a cobrança em relação ao seu desempenho.

“Muitas vezes o torcedor não vê isso, só vê um lance isolado que a gente acaba errando e acaba nos ‘crucificando’ por isso. Eu procuro me concentrar, fazer o meu melhor e focar 100% no que eu tenho que fazer para ajudar o Athletico”, disse o jogador.

+ Mais na Tribuna: Com saída de Rui Costa, Paulo André ganha mais poder nos bastidores

O atacante contou que não fazia ideia de que seria acionado no time de aspirantes, já que fez parte do grupo campeão da Sul-Americana. Bergson, inclusive, converteu uma das penalidades na final diante do Junior Barranquilla.

“Quando me ligaram foi uma surpresa, mas depois de certo tempo já me concentrei e me acostumei com a ideia de poder ajudar. Já me motivei e fiquei à disposição, sou funcionário do clube e hoje estou 100% incorporado a esse grupo de aspirantes”, falou o atleta, que sabe o quanto pode somar ao grupo.

+ Confira os jogos e a classificação do Campeonato Paranaense

“Sei que minha responsabilidade é maior, por vir do elenco principal, campeão da Sul-Americana, tendo participação no jogo mais importante do ano. Com determinação e seriedade vamos em busca de resultados na competição, sabemos que precisamos, e vamos procurar por isso”, finalizou.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do Trio de Ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!