O duelo atrasado da 13ª rodada diante do embalado São Paulo, hoje, às 19h15, na Arena da Baixada, pode colocar o Athletico de novo na briga pelo G6 do Campeonato Brasileiro. A vitória por 1×0 diante do Atlético-MG, também em casa, no último final de semana, devolveu um pouco a confiança ao time depois de uma jornada ruim contra o Grêmio, em Porto Alegre, pela semifinal da Copa do Brasil. E o adversário de hoje, além de ser um concorrente direto na classificação, é um velho freguês do Furacão quando se trata de jogos realizados dentro do Caldeirão.

A partida Athletico x São Paulo não terá transmissão de TV. Você pode acompanhar em tempo real com aqui na Tribuna do Paraná!

Desde que a Arena da Baixada foi construída, em 1999, o Athlético só perdeu uma vez para o São Paulo. Foi justamente no Brasileirão do ano passado. Mas o retrospecto é amplamente favorável ao Furacão. Em 19 partidas realizadas, foram 13 vitórias do time atleticano, cinco empates e um triunfo do São Paulo. Foram 30 gols do Rubro-Negro e apenas 14 do tricolor paulista.

+ Entenda porque o jogo não vai passar na TV

Assim, se depender do retrospecto, o Athletico tem tudo para emplacar a sua segunda vitória seguida e encostar de vez no G6 do Campeonato Brasileiro. Mas deixando os números e as estatísticas de lado, o Furacão encara o embate contra o São Paulo como uma verdadeira final de campeonato. A partida é considerada de seis pontos para as pretensões do Rubro-Negro no Brasileirão. “Tratamos todos os jogos como uma decisão. Quarta-feira, contra o São Paulo, será mais uma final. É uma grande equipe, com grandes jogadores, um grande treinador. Temos que trabalhar para chegar bem, fazer o nosso melhor e conseguir a vitória”, garantiu o atacante Marcelo Cirino.

+ Confira: Veja os preços dos ingressos para Athletico x São Paulo

O Rubro-Negro colocará a prova mais uma vez a sua força dentro de casa. O Athletico tem 83% de aproveitamento jogando na Arena da Baixada e sua única derrota neste Brasileirão aconteceu diante do Corinthians. Na ocasião, o Furacão jogou com um time totalmente reserva e foi superado pelo Timão por 2×0. “Não podemos mudar o nosso estilo de jogo. Historicamente, o Athletico é sempre muito forte em casa. Vamos respeitar os grandes atletas que estão no São Paulo, mas vamos procurar colocar o nosso ritmo para buscar os três pontos”, reforçou o volante Wellington.

+ Alfinetada: Athletico critica CBF e STJD pelo caso Talles Magno

Para conseguir emplacar mais uma vitória dentro do Caldeirão, o Athletico terá um desfalque confirmado. O meia Bruno Nazário machucou o joelho no treino e foi vetado pelo departamento médico. O lateral-direito Jonathan não participou do treino de ontem e também não deve ter condições de jogo. E o técnico Tiago Nunes tem também algumas dúvidas para escalar o Furacão para enfrentar o São Paulo.

+ Leia também: Furacão com foco total na disputa do Brasileirão

O zagueiro Léo Pereira, suspenso do jogo da volta da semifinal da Copa do Brasil contra o Grêmio do dia 4 de setembro, pode ser poupado deste duelo contra o São Paulo para Robson Bambu ganhar mais ritmo de jogo. Na lateral-esquerda, Adriano deve ser mantido. Na direita, sem Jonathan mais uma vez, Madson será mantido.

+ Confira a classificação completa do Brasileirão!

Do meio para frente, a tendência é de que o treinador poupe o argentino Marco Ruben e promova a entrada de Nikão já como titular.

Ficha técnica

BRASILEIRÃO
1º Turno – 13ª Rodada

ATHLETICO x SÃO PAULO

Athletico
Santos; Madson, Pedro Henrique, Léo Pereira (Robson Bambu) e Adriano; Wellington, Bruno Guimarães e Nikão; Marcelo Cirino, Rony e Thonny Anderson.
Técnico: Tiago Nunes

São Paulo
Tiago Volpi, Juanfran (Igor Vinicius), Arboleda, Anderson Martins e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê e Daniel Alves; Antony, Vitor Bueno (Helinho) e Raniel.
Técnico: Cuca

Local: Arena da Baixada
Horário: 19h15
Árbitro: Daniel Nobre Bins (RS)
Assistentes: José Eduardo Calza (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)