O gerente do Banco do Brasil de Quedas do Iguaçu e sua família passaram por horas de terror nas mãos de bandidos, durante o final da noite de quarta-feira e madrugada de ontem. Todos foram mantidos como reféns até que a quadrilha de assaltantes fugisse em segurança e com uma boa quantia arrecadada durante a ação. O gerente foi libertado pelos seqüestradores na cidade de Chopinzinho e os familiares dele em Laranjeiras do Sul.

Segundo informações da PM, por volta das 22h de quarta-feira, cinco homens armados e encapuzados invadiram a casa do gerente, situada no centro da cidade, e tomaram todas as pessoas presentes como reféns. Eles passaram a madrugada em poder dos marginais e quando amanheceu o dia, o gerente foi obrigado a sacar dinheiro da Agência do Banco do Brasil, cuja quantia não foi apurada. Segundo o combinado pelos assaltantes, o gerente deveria arrecadar o dinheiro e entregá-lo em um local pré-determinado na rodovia PR-473, o que foi feito.

Segundo dados repassados por funcionários da agência do Banco do Brasil à PM, ao entrar na agência pela manhã, o gerente estava com um artefato preso ao corpo, que seria um explosivo. A polícia vai tentar confeccionar o retrato-falado dos envolvidos no seqüestro para dar continuidade às investigações. O delegado de Quedas do Iguaçu passou a tarde de ontem ouvindo testemunhas.