Um dia depois que o valor da multa para pichadores em Curitiba mais que dobrou, um adolescente de 16 anos foi flagrado por passageiros pichando um ônibus da linha Pinhais-Campo Comprido. Ele fazia a pichação dentro do coletivo, por volta das 11h30 de ontem, e foi denunciado por um homem que acenou para uma viatura da Guarda Municipal, que fazia rondas perto do Viaduto Capanema.

Segundo o inspetor José Carlos Felipus, os guardas seguiram o ônibus até a estação-tubo mais próxima e capturaram o garoto. “O adolescente estava pichando o teto, as portas e as divisórias do ônibus com um frasco cheio de tinta preta”, descreveu Felipus.

Em seguida o garoto foi conduzido à Delegacia do Adolescente. “Os pais dele vão responder pelo crime de pichação, ficando sujeitos ao pagamento de multa de R$1.693,84”, explicou o inspetor

Inédito

Essa foi a primeira autuação feita após a sanção da Lei 14.367/2013, em vigor desde terça-feira, que elevou o valor da multa por pichação. Antes, o valor máximo que o infrator pagaria era de R$ 714,20. Agora passou para R$ 1.693,84. Para comerciantes que desrespeitarem a lei, o valor passa de R$ 1.785,50 para R$ 4.234,60, com risco de cassação do alvará. Do início do ano até o fim de novembro, a GM recebeu 1.830 denúncias de pichação, quatro vezes mais que no mesmo período de 2012. Este ano, 318 pichadores foram capturados em flagrante, dos quais 169 eram menores.