Acusado de integrar uma quadrilha de roubo de tratores no interior do Estado, o empresário Ricardo Domit Filho, 37 anos, foi preso na manhã de ontem, em União da Vitória (PR).

Ele estava de posse de um trator tomado em assalto em Ponta Grossa (PR).

O delegado Agenor Salgado Filho, titular da DP de União da Vitória, informou que recebeu denúncias anônimas indicando que um grande empresário teria envolvimento com quadrilheiros. Salgado contou que Ricardo é proprietário

de uma revenda de veículos, uma empresa de serviço de guincho e um mercado no município. ?Diante das informações, passamos a investigar?, salientou o policial. Ele disse que, coincidentemente, policiais da delegacia de Ponta Grossa informaram que um trator 924F, da marca Caterpillar, avaliado em R$ 300 mil, havia sido roubado naquele município, no dia 17 de julho do ano passado, e denúncias anônimas relataram que o veículo estaria em União da Vitória.

Na madrugada de ontem, policiais das delegacias de Ponta Grossa e União da Vitória desenvolveram uma operação e conseguiram apreender o trator, no município de General Carneiro, situado a 50 quilômetros de União da Vitória. ?Ele nos contou que pegou o trator para revender, mas acreditamos que ele pagou um terço do valor de mercado?, argumentou o delegado.

Salgado contou que Ricardo que já tem antecedentes criminais por estelionato e foi autuado em flagrante por receptação e formação de quadrilha pelo delegado Sebastião Gaspar.

?O empresário indicou outras pessoas que estariam envolvidas com o grupo, que estão sendo investigadas.

 Se for comprovada a participação delas, vamos solicitar que a Justiça decrete a prisão preventiva?, avisou o delegado.