Israel e Cláudio: apanhados
em flagrante na hora da fuga.

A perspicácia de um funcionário aliada ao trabalho rápido da Polícia Militar, frustraram o assalto a um mercado no Capão Raso. Dois acusados do roubo, surpreendidos ainda dentro do estabelecimento, tentaram fugir mas acabaram presos em flagrante, às 8h30 de ontem.

Após renderem os funcionários e alguns poucos clientes, três ladrões baixaram as portas de metal do Mercado Bom Jesus, na Rua Laudelino Ferreira de Lima, Parque Industrial, Capão Raso. Enquanto dois arrecadavam o dinheiro dos caixas, o terceiro assaltante foi ao andar superior, onde mora o dono, em busca de mais objetos de valor. Só não perceberam que um dos empregados saiu sorrateiramente e logo avisou a Polícia Militar.

A primeira viatura chegou minutos depois. “Assim que nos viram, os ladrões subiram pelo terraço”, relatou o aspirante Nairo, do 13.º Batalhão da PM. Os três tentaram escapar pulando muros de residências próximas, mas as ruas foram isoladas e dois deles acabaram capturados.

A dupla presa foi identificada como Israel Josué dos Anjos Silveira, 19 anos, e Cláudio Rodrigues Alves, 38. Com eles a polícia recuperou R$ 278,00 em cédulas e moedas, uma caixinha com bijuterias da residência do proprietário e apreendeu duas armas com numeração de série adulterada: um revólver calibre 38 e um pistola calibre 380. “A vítima nos reconheceu, não tenho o que negar. Demos voz de assalto, enfiei o dinheiro no bolso e depois pegaram a gente. O outro fugiu”, admitiu Israel, morador no Sítio Cercado.

O dono do mercado, de 38 anos, não conseguiu respirar aliviado com a prisão. “Nunca houve violência nem grande prejuízo. Mas isso arrebenta com a gente. Não dá para trabalhar sossegado”, lamentou, comentando que o roubo de ontem, que totalizou prejuízo de R$ 700,00, foi o quarto em três anos de funcionamento.