enkontra.com
Fechar busca

Painel do Crime

Falcatrua

Cartomante paga fiança de R$ 50 mil e deixa a prisão

Ela ficou quase um mês presa, sob a suspeita de aplicar golpes

  • Por Tribuna Do Paraná

Depois de pagar fiança de R$ 50 mil, a cartomante Danielle Gaish, suspeita de estelionato e formação de quadrilha, deixou o Centro de Triagem da Polícia Civil ontem à tarde, com sorriso no rosto e acenando da janela do carro. Ela ficou quase um mês presa, sob a suspeita de aplicar golpes contra 40 pessoas, que segundo a polícia, somam R$ 3 milhões.

Em entrevista à RPCTV, a mulher alegou inocência. “As pessoas me procuram porque querem. Nunca forcei ninguém a fazer nada no meu consultório”, afirmou Danielle. Ela alegou discriminação por ser cigana.

Danielle vai responder em liberdade. O advogado dela, Cláudio Daledone, não acredita em condenação. “Ninguém foi se consultar com ela amarrado”.

O marido de Danielle, Carlos Eduardo Ivanovich, foi solto sexta-feira, por habeas corpus. A polícia investiga a participação dos pais de Carlos Eduardo nos golpes, e aguarda que eles se apresentem na Delegacia de Estelionato e Desvio de Carga. Porém, segundo o advogado, eles só se apresentam depois que a fiança for arbitrada.

Restituição

Daledone havia dito à RPC-TV, na quinta-feira, que os R$ 380 mil recebidos por Danielle das mãos do casal que a denunciou à polícia seriam devolvidos. Ontem, afirmou que ele e a cartomante “estão avaliando” se o dinheiro será devolvido.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Últimas Notícias

Mais comentadas