As medidas anunciadas na terça-feira (3) pela presidente Dilma Rousseff para fortalecer a indústria nacional foram saudadas pelo líder da Oposição na Assembleia Legislativa, deputado Elton Welter (PT), como mais uma demonstração do papel do Estado como indutor do desenvolvimento.

As medidas formam a segunda fase do Plano Brasil Maior, anunciado em julho de 2011. Segundo Welter, num ambiente de crise, guerra cambial e concorrência predatória entre países, “a presidente sinaliza que o Brasil não ficará passivo, esperando que o mercado resolva espontaneamente os problemas.”

As medidas anunciadas pelo governo incluem, entre outras, ações sobre o câmbio, proposta de redução da taxa Selic, desoneração da folha de pagamentos, desoneração do IPI e dos gastos com infraestrutura, estímulos à produção nacional, financiamento do comércio exterior e plano nacional de banda larga.