Diante do anúncio de um pacto pelo emprego prometido pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o líder do governo na Casa, Delcídio do Amaral (PT-MS), afirmou nesta quinta-feira, 30, que o governo também irá anunciar em breve um pacote de medidas para frear o aumento do desemprego.

“O pacto do emprego que o Renan vai anunciar é absolutamente fundamental, mas o governo também está preocupado e vai apresentar propostas”, disse. Segundo o petista, as medidas que estão sendo elaboradas foram inspiradas em ações colocadas em prática em países da Europa, que passaram por um processo de recessão após a crise financeira que teve início em 2008.

“Esses países fizeram uma engenharia do emprego muito interessante”, disse. O líder do governo, no entanto, não quis adiantar que medidas serão apresentadas. Um dia antes da comemoração do dia do Trabalho, o presidente do Senado decidiu anunciar o que chamou de um “Pacto Nacional de Proteção do Emprego”.

Em pé de guerra com a presidente Dilma Rousseff, Renan tem buscado protagonismo em várias frentes para descolar a sua imagem do governo. Faz parte da estratégia do PMDB mostrar que, enquanto o Palácio do Planalto se encontra paralisado pela crise, o Poder Legislativo trabalha para aprovar projetos que tenham efeito na vida dos brasileiros.