A Comissão Mista do Orçamento (CMO) suspendeu por tempo indeterminado a sessão da tarde desta quarta-feira, 2, que deveria prosseguir com o debate sobre o Orçamento de 2016. A reunião foi adiada, sem previsão de retorno, por causa da fraca presença de parlamentares.

Apesar de ter reunião agendada para 14 horas, o relator geral do Orçamento de 2016, deputado Ricardo Barros (PP-PR), marcou sua comemoração de aniversário em um clube de Brasília com início às 13 horas. Às 15 horas ainda transcorria o almoço, que contou com a presença da presidente da CMO, senadora Rose de Freitas (PMDB-ES).

Também coincidindo com o horário da reunião da CMO há sessão no plenário do Congresso neste momento. Entre os itens da pauta está o projeto que revisa a meta fiscal deste ano e permite que o País feche 2015 com um déficit de até R$ 119,9 bilhões.

Na sessão da CMO desta tarde, os parlamentares deveriam votar o relatório preliminar do Orçamento de 2016. Com cronograma apertado de tramitação, a votação do texto final em plenário pode ficar para o ano que vem. Uma sessão extraordinária da CMO está convocada para logo depois do fim dos trabalhos de hoje no plenário do Congresso.