Antes de participar do encontro dos prefeitos, o prefeito de Curitiba, Beto Richa (PSDB), teve reunião reservada de cerca de uma hora com o presidente Lula. Acompanhados do ministro do Planejamento, Paulo Bernardo (PT), Lula e Beto conversaram sobre o andamento das obras do PAC no Paraná e em Curitiba. A reunião foi convocada ontem pelo presidente.

Lula disse ao prefeito que, nos próximos seis meses, o governo federal fará grande esforço para acelerar obras do PAC que estão atrasadas em vários estados e informou que deve anunciar, nos próximos dias, programa para construir um milhão de residências e que Curitiba estará no projeto, enquanto Beto relatou ao presidente o andamento do programa habitacional da prefeitura, que tem recursos do PAC.

“Temos bom relacionamento com o governo federal e as parcerias com os ministérios e com a Caixa demonstram isso”, afirmou Beto, que convidou o presidente a vir a Curitiba inaugurar obra na área da habitação, ainda este ano. “Irei com prazer”, disse Lula.