Para o Rei Pelé, Brasil e Inglaterra farão, na próxima sexta-feira, um jogo digno de uma final de Copa do Mundo. Mas ele ainda não arrisca dizer qual deles estará na verdadeira decisão do Mundial. ?Antes da Copa, nem o Brasil, nem a Inglaterra eram favoritos ao título. Mas agora parece uma real possibilidade que um deles esteja na final?. 

O maior astro da história do futebol fez uma análise bastante diplomática do que tem visto nos gramados da Coréia e do Japão. ?É perigoso ver tão adiante. Ninguém esperava ver a França e Argentina eliminadas. Mas creio que Brasil e Inglaterra estarão reeditando uma das maiores rivalidades das Copas nas quartas-de-final. O Brasil já foi campeão quatro vezes, a Inglaterra, uma. O Brasil é o maior país na história das Copas do Mundo, a Inglaterra o berço do futebol. Esse jogo mereceria ser uma final por si só.?

Há 32 anos, Brasil e Inglaterra, então campeã mundial, jogaram na primeira fase da Copa de 1970, no México, uma partida histórica. Nela, o goleiro Gordon Banks fez uma das maiores defesas de todas as Copas em uma cabeçada de Pelé. O jogo terminou com vitória brasileira, por 1 a 0, gol do Furacão Jairzinho após passe do Rei.