A elaboração da Agenda 21 no Paraná é o principal tema do último dia do IV Seminário Internacional ?Águas – Cidadania no Uso e Conservação dos Recursos Hídricos?, evento promovido pelo Ministério Público do Estado em parceria com a Universidade Federal do Paraná (UFPR) e o Instituto de Engenharia do Paraná (IEP). O evento deixa discussões sobre as políticas públicas no aproveitamento e cuidado com as águas e o engajamento da sociedade para a concretização das iniciativas.

A Agenda 21 foi assinada por 179 países durante a Eco-92 – Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento Humano, realizada no Rio de Janeiro – e reúne metas para que os países possam alcançar o desenvolvimento sustentável. A coordenadora das ações desse documento no Paraná, Schirle Margaret dos Reis Branco, afirma que o Estado está caminhando no sentido certo da preservação dentro de alguns temas centrais. ?Entre eles se destacam a agricultura sustentável, a biodiversidade, ciência e tecnologia, gestão dos recursos hídricos e segurança nutricional. São temas provocativos para formatar a Agenda 21 do Paraná?, disse.