A travessia fatal de uma idosa aconteceu no km 128 da BR-116, em Fazenda Rio Grande, perto das 19h30 deste domingo (23). O trecho estava completamente escuro, iluminação somente perto da passarela, uns 500 metros à frente.

A mulher, que segundo os bombeiros tinha cerca de 60 anos, já tinha alcançado o meio da pista sentido sul, quando uma Kombi da prefeitura de Agudos do Sul tentou desviar, mas estava muito em cima e inevitavelmente a atropelou.

O para-brisa do veículo foi destruído e a idosa ficou caída na parte de trás. Um Santana Quantum, ocupado por uma família, vinha logo em seguida e o motorista conseguiu frear antes de acertar a mulher no asfalto. Porém, outro veículo bateu atrás empurrando o Santana.

A vítima ficou presa embaixo do carro, embora ainda estivesse viva. O último motorista deu ré e foi o único a fugir. Os socorristas chegaram dentro de minutos e precisaram suspender o Santana para retirar a idosa. Tentaram reanimá-la dentro da ambulância, mas ela não resistiu.
Km 143.

Cerca de 15 quilômetros ao sul, na mesma rodovia, outro acidente envolvendo cinco veículos deixou sete pessoas feridas, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), mas nenhuma com gravidade. O tráfego ficou em meia pista por pouco mais de uma hora e voltou ao normal às 21h.