O sonho da casa própria virou realidade, neste sábado (31), para 848 famílias inscritas na Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab). Em cerimônia que contou com a presença do prefeito Gustavo Fruet, elas receberam as chaves dos apartamentos dos residenciais Cidade de Broni, no Campo do Santana, e Novo Bairro V, no Ganchinho, ambos destinados para famílias da faixa de renda entre R$ 1,6 mil e R$ 3,1 mil.

“Estamos fazendo uma gestão voltada para a habitação. Estas entregas de hoje fazem parte de um grande esforço concentrado para entregarmos três mil unidades até o final de setembro. Só nesse primeiro ano de mandato fecharemos com 4,9 mil moradias entregues. A meta é viabilizar 15 mil unidades habitacionais em nossa gestão”, afirmou o prefeito Gustavo Fruet.
Pela manhã foi inaugurado o Residencial Cidade de Broni, conjunto formado por 512 apartamentos em condomínio com quadra esportiva, salão de festas com churrasqueira,  estacionamento, guarita e parque infantil. Os apartamentos têm dois quartos, sala, cozinha e banheiro.

A implantação do empreendimento significa investimentos de R$ 38,4 milhões, recursos do programa Minha Casa Minha Vida, que está sendo implantado em Curitiba graças a uma parceria da Prefeitura, Cohab e Caixa Econômica Federal. A Caixa libera os recursos e administra a obra; a Prefeitura concede incentivos fiscais e construtivos para as empresas; a Cohab identifica a demanda e faz a comercialização das unidades.

O analista fiscal Reginaldo Fonseca, 38 anos, e sua esposa Joanice não escondiam a felicidade por realizar o sonho de ter um imóvel próprio. Contemplados com um apartamento no Residencial Cidade de Broni, eles poderão deixar o espaço cedido no terreno da mãe dela, em Campo Largo. “Agora seremos mais independentes, vamos ter nosso próprio canto. É uma alegria sem tamanho vir morar num conjunto tão bonito”, diz ela.