Os 836,6 kg de carne bovina vencida que estava em câmara frigorífica do Restaurante Universitário da Universidade Estadual de Maringá (UEM) foram processados para a fabricação de ração animal, na manhã desta quarta-feira (16). A ação foi feita pela Vigilância Sanitária, com apoio do Serviço de Inspeção Federal (SIF) e o frigorífico Bigboi.

Continue lendo em odiario.com