O grupo fundamentalista Taleban liberou o vídeo de um homem identificado como o soldado norte-americano Bowe Bergdahl, capturado no Afeganistão em junho de 2009. No vídeo, Bergdahl pede por sua libertação e volta aos Estados Unidos.

No vídeo, o soldado capturado também diz que a guerra do Afeganistão não vale o número de vidas que está cobrando, tanto em pessoas mortas quanto em tempo perdido no cativeiro. Procurados, funcionários do Pentágono não estavam disponíveis para comentar a gravação.