Um prédio residencial de três andares desabou na capital líbia na manhã desta sexta-feira, matando cinco pessoas e provocando um protestos contra as autoridades do país. O prédio ruiu numa das mais importantes ruas da cidade, a Omar al-Mukhtar, no coração de um dos bairros mais antigos de Trípoli.

As vítimas pertencem a duas famílias e entre elas há uma mulher grávida, segundo al-Sadat al-Badri, presidente da Câmara Municipal. Ele afirmou que a deterioração do prédio, que tem várias décadas, provocou o desabamento. Moradores de um prédio parecido serão transferidos para outro local, afirmou ele.

Moradores irritados das proximidades da rua Omar al-Mukhtar saíram às ruas e gritaram palavras de ordem contra o primeiro-ministro Ali Zidan. Os cidadãos responsabilizam o governo pelos precários serviços públicos oferecidos. Milhares de famílias foram para a cidade após serem desalojadas durante a guerra civil de oito meses que derrubou o ex-ditador Muamar Kadafi. As informações são da Associated Press.