Um bombardeio efetuado por um drone dos Estados Unidos teria causado a morte de pelo menos três militantes estrangeiros no Paquistão. De acordo com funcionário da inteligência paquistanesa, o avião não tripulado norte-americano teria disparado dois mísseis contra uma casa na aldeia de de Qutab Khel, na zona tribal do Waziristão do Norte, no noroeste do Paquistão.

Os relatórios iniciais indicam que os mortos eram árabes. O programa de drones norte-americanos é extremamente impopular no Paquistão por ter causado a morte de civis inocentes, o que é negado pelo governo norte-americano. Fonte: Associated Press.