Um ataque em um carro-bomba matou ao menos seis civis e deixou outros dez feridos em Bagdá neste domingo. Um policial e dois médicos colocaram o número de vítimas em 14 mortos e 42 feridos. Os funcionários falaram sob condição de anonimato.

O porta-voz do Ministério do Interior, Saad Maan, disse que um membro das forças de segurança do Iraque viu o carro-bomba e começou a atirar no veículo, mas não conseguiu impedir o motorista de detonar o carro em um local próximo ao mercado atacadista de Jamila.

O grupo terrorista Estado islâmico realizou uma série de bombardeios em Bagdá na semana passada, matando quase 100 pessoas. O mais letal ocorreu quando um homem-bomba matou 41 e feriu 64 na área comercial de Sadr City. Fonte: Associated Press.