A inflação do varejo acelerou em cinco das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) para cálculo do Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S) de até 15 de maio (segunda prévia do mês). Entre os destaques de aumentos de preços, da primeira para a segunda prévia de maio, está a inflação de São Paulo, que saiu de 0,97% para 1,01% no período. A cidade representa quase 50% do total do indicador.

As outras cidades que mostraram taxas de inflação mais fortes no mesmo período foram Recife (de 1,00% para 1,12%), Salvador (de 0,97% para 1,20%), Belo Horizonte (de 1,32% para 1,53%) e Porto Alegre (de 0,85% para 0,89%). Apenas duas capitais apresentaram desaceleração da alta de preços no mesmo período. É o caso de Rio de Janeiro (de 1,18% para 1,08%) e de Brasília (de 0,50% para 0,47%).