O Brasil é um dos piores países do mundo para se fazer negócios, de acordo com a quarta edição do relatório anual "Doing Business", produzido pelo Banco Mundial e pelo International Finance Corporation (IFC). O Brasil é o 121º país em facilidade para se fazer negócios, em lista de 175 países liderada por Cingapura e que tem a República Democrática do Congo na última posição. Entre os países da América Latina, o Brasil está à frente apenas de Suriname, Bolívia, Equador, Venezuela, Haiti e Guiana. O Chile ocupa a 28ª colocação da lista, o México está na 43ª e a Argentina, na 101ª.

De acordo com o relatório, reformas no mercado de regulação têm facilitado os negócios em uma escala global, inclusive na África "região em que os setores privados encontram alguns de seus maiores desafios".