A operadora de planos de saúde Clinipam comprou um dos mais tradicionais hospitais em Curitiba: o Hospital e Maternidade Santa Brígida, no bairro Água Verde. O anúncio foi feito pelo Grupo Notredame Intermedica, de quem a Clinipam é, desde o início do ano, subsidiária.

De acordo com as informações, o negócio foi de R$ 48,5 milhões. Fundado em 1973, o Santa Brígida tem 72 leitos – 15 deles de UTI. A capacidade é de 680 consultas semanais. No ano passado, o faturamento foi de R$ 31 milhões. O movimento denota a intenção do grupo paulista de gestão em saúde em avançar no mercado do Sul do país.

+ Leia mais: Auxílio municipal, corte de impostos! Até onde promessas de candidatos a prefeito podem chegar?

​A história

O Hospital e Maternidade Santa Brígida foi inaugurado em 17 de abril de 1973 por nove sócios, unidos pelos laços familiares e pelo desejo de oferecer um tratamento mais humanizado para a mulher e o recém-nascido, sem deixar de lado a competência técnica e ética profissional.

+ Veja também: Comitê das prefeituras da RMC sinaliza tendência de volta às aulas só em 2021

Dra. Elisa Checchia Noronha, idealizadora do hospital, graduou-se em medicina em 1935, pela Universidade Federal do Paraná, tornando-se uma das primeiras médicas do Brasil. A maternidade se apresenta como a de maior número de partos de Curitiba, tem 1 apartamentos, 47 leitos de enfermaria e 16 leitos de UTI neonatal.