O empresário Eduardo Negri, 35 anos, viu no próprio trabalho a oportunidade de ajudar na prevenção do coronavírus. Dono da lavanderia industrial Lav Clean em Araucária, região Metropolitana de Curitiba, Eduardo está produzindo mil máscaras de proteção que serão doadas à Fundação de Ação Social de Curitiba (FAS) para o trabalho de resgate de moradores de rua durante a pandemia.

Percebendo a gravidade do novo coronavírus, o empresário ficou sensibilizado ao assistir o noticiário. “Vi uma entrevista do ministro da saúde dando orientação para que as pessoas confeccionassem suas próprias mascaras e como eu tenho acesso aos materiais e a terceirizados que podem ajudar, entrei nesta”, relata Eduardo.

+Bom exemplo! Petiscaria envia lanches com mensagens da comunidade a funcionários de hospital na RMC

Foto: Arquivo Pessoal.

O empresário recorreu à internet para aprender e fazer de maneira correta as máscaras de proteção. Seguiu as normas do Ministério da Saúde com o objetivo de atingir grupos de risco, como idosos e também pessoas em situação de rua. Sendo assim, a máscara produzida pela equipe de Eduardo não pode ser usada por profissionais de saúde.

Viu essa? Hotel doa 250 kg de alimentos pro Pequeno Cotolengo antes de fechar pra quarentena

“Essa máscara é de tricoline 100% algodão, já esterilizado. Não é usada para médico. Pode inclusive ser lavada e quando passada a quente mata o vírus”, ressalta o empresário.

A todo vapor!

O custo unitário de cada peça fica em R$ 4,53. Ou seja, para fazer a doação, o empresário gasta R$ 4.530.  “Este valor não é nada, perto daquilo que a gente vai colaborar com o próximo. Tenho a disponibilidade dos recursos e eles não farão falta”, desabafou o empresário.

Foto: Arquivo Pessoal.

Abrigos em Curitiba

A prefeitura de Curitiba está utilizando três abrigos emergenciais para acolher pessoas em situação de rua com suspeita do novo coronavírus. Ao todo, são 120 vagas exclusivos para atendê-las em três espaços. O primeiro espaço instalado foi no Guabirotuba, na última segunda-feira (23) que atende idosos e pessoas com doenças crônicas. Dois outros abrigos já foram selecionados para ajudar: um no Campina do Siqueira e outro no Capão da Imbuia.

+Leia mais! Vovô de máscara co sorriso alivia tensão na vacinação na RMC

“Estamos trabalhando diariamente em projetos que ajudem a proteger essas pessoas que estão mais vulneráveis em função da condição de rua”, afirma Thiago Ferro, presidente da FAS.

Como prevenir a contaminação por coronavírus

  • Lavar as mãos com frequência/ ou utilizar álcool 70%, principalmente antes de consumir algum alimento;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca, higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter ambientes bem ventilados, evitar contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença;
  • Evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações;
  • Pessoas com sintomas de infecção respiratória aguda devem praticar etiqueta respiratória (cobrir a boca e nariz ao tossir e espirrar, preferencialmente com lenços descartáveis, e depois lavar as mãos).

Baixe o guia de prevenção para compartilhar!

Imprima esse guia em PDF com informações sobre a prevenção do Coronavírus e outras doenças respiratórias virais: